Edylene Ferreira comemora mais uma vitória para a vaquejada


A nação Vaqueira tem muito o que comemorar, pois a Lei n° 14.082, que regulamenta as cavalgadas e vaquejadas como atividades desportivas, foi promulgada pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Angelo Coronel (PSD) e publicada no Diário Oficial do Legislativo.

Aprovado no plenário da Assembleia no último dia 19, o texto apresentado impõe critérios para a prática, como a exigência de boa nutrição e condições de tratamento adequadas aos animais, incluindo momentos de descanso em ambiente confortável.

A lei também prevê que o descumprimento dos requisitos contidos na matéria resultará em punições estipuladas pelo governo.

Em Serrinha, a Vereadora Edylene, filha do saudoso Ernesto Ferreira, que juntamente com Valdete Carneiro levou a vaquejada para o município, criou o Projeto de Lei nº. 1.027/2016, intitulado Vaquejada Legal que dispõe sobre regulamentação da Vaquejada como prática desportiva e cultural de Serrinha, além de instituir medidas de proteção e combate aos maus tratos dos animais durante o evento, a segurança do vaqueiro, entre outras providências.

“Fomos o primeiro município da Bahia a aprovar a Lei municipal da Vaquejada Legal. E hoje estou ainda mais feliz pois essa lei a nível de estado representa em parte a história de minha família, a história de meu saudoso pai Ernesto Ferreira, de meu irmão Naldinho, corredor de vaquejada e todos os outros vaqueiros. Eu sempre digo que tenho orgulho de ser vaqueira e vou continuar defendendo essa bandeira onde estiver”, disse Edylene.

Siga o nosso portal pauta livre nas redes sociais => Maryluzia Costa
You tube => Maryluzia Costa
Diretora comercial – Marylúzia Costa
E-mail: [email protected]
Contato Whatsapp : 71 9.8807-1571
Direção Geral : Ailton Borges
Diretor Administrativo: Márcio da Linha Verde
PAUTA LIVRE METRÓPOLE – 24h online, levando as informações com a rapidez e credibilidade que você precisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *