Vice prefeito de Salvador Bruno Reis fala para os ouvintes da Digital FM 96,3 na comemoração do aniversário de Paulo azi – Ouça na integra

ENTREVISTADO: Bruno Reis (Vice prefeito de Salvador ) TEMA: na comemoração do aniversário de Paulo Azi DATA: 23/01/2018 HORÁRIO: 06:15 HS RÁDIO: Digital FM 96,3 PROGRAMA: Jornal digital news APRESENTADOR : Ailton Borges Ouça a entrevista na integra : Siga o nosso Portal Pauta Livre Metrópole nas redes sociais: Whatsapp Pauta Livre: 75 9.8234-4592 Facebook : https://www.facebook.com/Pauta-Livre-Metr%C3%B3pole-188786011713251/?modal=admin_todo_tour Twitter … Leia Mais



Condenado na Lava Jato, ex-deputado Luiz Argôlo é transferido para a Bahia

  A defesa do ex-deputado federal Luiz Argôlo obteve a transferência do político para o sistema prisional baiano. De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização‎ (Seap), Argôlo se encontra no Centro de Observação Penal (COP), uma espécie de porta de entrada antes de o detento ser encaminhado para uma unidade do sistema, … Leia Mais





Carnaval de Salvador terá 770 mil turistas e vai movimentar R$1,7 bilhão


O Carnaval de Salvador deverá atrair cerca de 770 mil turistas para a cidade. Desses, 400 mil oriundos do interior, 300 mil de outros estados (com destaque para Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco, Sergipe e Minas Gerais) e 70 mil estrangeiros, principalmente argentinos, franceses, chilenos, alemães e uruguaios. Os números estão sendo apresentados agora pelo prefeito ACM Neto em coletiva de imprensa que faz o lançamento oficial da folia momesca em Salvador, realizada no Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande.

“Serão mais de mil horas de música. Os números do setor hoteleiro apontam para uma ocupação 25% superior ao Carnaval de 2017. Sendo bem conservadores, deveremos ter uma ocupação dos leitos acima de 90%”, anunciou o prefeito, que apresentou os patrocinadores oficiais da festa: Skol, Caixa Econômica, Air Europa e Olla, marca de preservativos. Somente no pré-Carnaval, nos dias 3 e 4 de fevereiro, são esperadas um milhão de pessoas nas ruas, entre baianos e turistas. Nesses dias, acontecem o Fuzuê e o Furdunço, respectivamente, no circuito Orlando Tapajós (Ondina-Barra).

A movimentação econômica durante a festa na cidade é estimada em R$1,7 bilhão. Durante o período do Carnaval, os turistas nacionais chegam a desembolsar cerca de R$ 4,915 mil, enquanto que os baianos costumam gastar cerca de R$ 1,7 mil e estrangeiros R$ 3,5 mil. Estes dados são baseados em pesquisa de análise de perfil dos turistas, realizada pela Prefeitura. Ainda de acordo com o estudo, os visitantes costumam passar sete dias na cidade durante o Carnaval. Mas brincam nas ruas aproximadamente cinco dias. Os gastos dos foliões incluem passagem, hospedagem, vestimentas do carnaval, alimentação, bebidas, compras, transporte, dentre outros.

Porto – Durante o Carnaval, as chegadas dos navios The World, Preziosa, Música e Costa Favolosa ocorrem entre o domingo (11) e a Quarta-Feira de Cinzas (14), apresentando a capital baiana a 11.359 turistas no momento em que a cidade fervilha por conta da folia. Estes visitantes estão agendados para deixar Salvador nos dias 13 e 14 de fevereiro, sendo que os três primeiros têm Ilhéus, no Sul da Bahia, como destino, e o Favolosa ruma para o município–arquipélago de Ilhabela, no litoral paulista.

Aeroporto – Em um cenário conservador, cerca de 6,2 mil voos são estimados para o período de fevereiro no aeroporto de Salvador, sendo 3.1 mil pousos. Já a movimentação estimada de passageiros alcança os 618.808 durante o mês de fevereiro (crescimento de 5% em comparação ao mesmo período do ano anterior), com cerca de 309.404 desembarques.


Abertas inscrições de concurso de fotografia que tem a mulher como tema


Eabertas até 24 de fevereiro as inscrições para a sexta edição do concurso fotográfico “Universo Feminino – Singular e Plural”, realizado na cidade de Camaçari, na região metropolitana de Salvador. As fotos selecionadas no concurso farão parte de uma exposição.

Segundo o regulamento do concurso, as fotos devem ser feitas baseadas no texto: “’Ninguém nasce mulher: torna-se mulher. Nenhum destino biológico, psíquico, econômico define a forma que a fêmea humana assume no seio da sociedade; é o conjunto da civilização que elabora esse produto intermediário entre o macho e o castrado que qualificam o feminino”’. Dito isso queremos que você ilustre a questão: Que forma a mulher assume no seio da sociedade no século 21?”

As inscrições devem ser feitas esclusivamente via e-mail. O material deve ser enviado para [email protected], com cópia para [email protected] No e-mail, devem constar a ficha de inscrição preenchida (disponível no site do evento), e as fotos que serão inscritas. As imagens devem ter tamanho 5315×3543 pixels, resolução 300 dpi (com qualidade máxima) e Formatos .tiff ou .jpg (capazes de produzir impressões de 30 x 45 centímetros).

A inscrição de uma fotografia é gratuita, entretanto, cada candidato pode cadastrar até quatro fotos. A participação das outras três fotografias será feita mediante colaboração com o projeto, através da campanha na plataforma de crowdfunding.

Serão selecionadas 30 fotografias, sendo que as três com maior pontuação serão premiadas; as 10 segintes receberão menção hontosa, somadas as 12 aceitações e cinco participações. A premiação e maiores detalhes do concurso podem ser conferidos no site do evento.


Cidade Baixa ganha série de ações da Prefeitura neste mês de janeiro


Durante a semana em que ocorre a maior festividade religiosa da Bahia em Salvador – a Lavagem do Bonfim – os moradores da Cidade Baixa comemoram uma série de ações promovidas pela Prefeitura para este mês de janeiro na região. Duas delas já são realidade desde a noite desta segunda-feira (8), ambas na Ribeira: o início das obras do Morar Melhor na comunidade da Mangueira e a entrega da Praça dos Dendezeiros completamente requalificada. Além disso, requalificações urbanísticas e asfáltica, assim como nova iluminação e mercado, serão realizadas no local.

O anúncio foi feito pelo prefeito ACM Neto, acompanhado do vice-prefeito Bruno Reis, secretários, demais autoridades, lideranças e população, durante a inauguração da Praça dos Dendezeiros. “A requalificação dessa praça demonstra a transformação de Salvador nos últimos cinco anos. Ficamos felizes em ver esse local ter uma vida nova na semana em que é comemorada a Lavagem do Bonfim. Então, tem mais esse sentido simbólico pra Cidade Baixa, dentro de um conjunto de boas notícias que estão sendo trazidas esta semana para a região”, afirmou o prefeito.

Dentre as melhorias estão a instalação de nova iluminação em LED na Rua do Fiscal, na Mangueira, e na Avenida Fernandes da Cunha, nos Mares, com ordens de serviço já assinadas na ocasião. Ambas as ações foram as mais votadas pelos cidadãos das localidades, por meio do programa Ouvindo Nosso Bairro, e serão executadas pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), por meio da Diretoria de Iluminação Pública.

Nesta quarta-feira (10), será lançado o edital de licitação para obras de requalificação da Colina Sagrada, além da assinatura do contrato com a Caixa Econômica Federal para garantia dos recursos das obras do projeto “Corredor da Fé”. Com investimento de R$30 milhões dentre recursos federais e municipais, a intenção da Prefeitura, por meio do projeto elaborado pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF), é transformar o trecho entre o Memorial Irmã Dulce, no Largo de Roma, até a Colina Sagrada, no Bonfim, em um espaço de peregrinação e turismo religioso.

Também já foi publicada a licitação para obras de requalificação da Ponta de Humaitá, no Monte Serrat, que terá recuperação urbanística, paisagística e de itens de lazer. Até o fim deste mês de janeiro, deverá ser lançada a licitação para construção do Mercado do Jardim Cruzeiro, também outra reivindicação antiga dos moradores e que pretende ordenar o comércio de rua realizado no bairro. Foi autorizada ainda, à Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), a elaboração de orçamento para requalificação asfáltica da Avenida Fernandes da Cunha, para que tenha a mesma qualidade de outra via importante da região e que já está em obras: a Rua Barão de Cotegipe, na Calçada.

Dendezeiros – A requalificação da Praça dos Dendezeiros atende a uma antiga reivindicação dos moradores, que viram o local sofrer com o abandono, a violência e a ocupação por usuários de drogas ao longo dos anos. Após profunda requalificação coordenada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Manutenção (Seman), o espaço agora já está apto para receber visitações, encontros, bate-papos e atividades recreativas.

Foram investidos R$ 489 mil nos 7,4 mil m² de área de lazer e convivência. A praça ganhou duas quadras poliesportivas, academias de saúde e ginástica, parque e espaço infantil, além de espaço multiuso com anfiteatro para apresentações de capoeira e outras atividades culturais.

O equipamento foi o primeiro espaço público de Salvador a receber o Espaço Game com mesas para futebol de botão e pingue-pongue. Lá, também foram implantados pista de cooper, rampas de acessibilidade e paisagismo – as árvores nativas foram mantidas e houve substituição de dendezeiros mortos por outros vegetais da mesma espécie, preservando a tradição do local. O local conta ainda com recuo para que ônibus estacionem com turistas e fiéis, sendo suporte ao corredor religioso rumo à Colina Sagrada.

Morar Melhor – Antes da inauguração da Praça dos Dendezeiros, foi assinada a ordem de serviço para início imediato das obras de reforma de 180 casas em situação precária na comunidade da Mangueira, dentro do programa Morar Melhor. A primeira beneficiada foi a dona de casa Maria de Fátima Bastos, moradora há mais de 30 anos da localidade. Ela, que reside com o marido, três filhos e um neto, mal acreditava ao ver a residência com nova pintura e reboco. “Achei que ia entrar mais um ano sem ver a minha casa reformada. Agora tô muito feliz, é uma ação muito importante pra gente”, afirmou.

Esta é a segunda vez que o programa, coordenado pela Seinfra, é realizado na localidade. Na primeira etapa, foram reformadas 121 casas. Cada unidade habitacional é beneficiada com melhorias escolhidas pelo próprio morador, podendo ser efetuados serviços na estrutura do telhado, pintura, reboco, troca de esquadrias ou instalação de louças sanitárias. O valor destinado para execução total dos serviços escolhidos em cada residência é de até R$5 mil.